Crise: Índice de Desenvolvimento Humano brasileiro estagnou em 2015

19/abr/2017

Por Alexandre Guerra

O recém-lançado Relatório de Desenvolvimento Humano do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) da Organização das Nações Unidas (ONU) apontou estagnação do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) brasileiro em 2015.

A principal conclusão extraída foi que o comportamento do IDH brasileiro está intimamente relacionado ao modelo de desenvolvimento econômico adotado. No período 2000-2014, quando o governo federal adotou uma política econômica expansionista, associada a aumentos reais do salário mínimo e da transferência de renda, o IDH brasileiro mostrou uma tendência de crescimento contínuo.
Em 2015, foi um período de crise econômica e política, assim como de política econômica mais conservadora, o que resultou em uma estagnação do IDH brasileiro. Desta maneira, chama-se atenção para o futuro do desenvolvimento humano brasileiro frente as investidas neoliberais do governo golpista de Temer, que prometem causar uma verdadeira desestruturação social no país

 

Tags: 

GREVE GERAL

São Paulo para contra Temer e as reformas

Com adesão dos trabalhadores em transportes públicos à paralisação, terminais de ônibus e metrô permaneceram vazios nesta sexta

28/abr/2017
POLÍTICA

Governo golpista tem reprovação recorde às vésperas da greve geral

Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira (26/4), por 296 votos a 177, o texto-base da Reforma Trabalhista

27/abr/2017
PUBLICAÇÃO

Boletim de Análise da Conjuntura - abril

Análises sobre os efeitos da Operação Lava Jato no país, as reformas da Previdência e Trabalhista são destaques desta edição

27/abr/2017
ANÁLISE

Com medo, golpistas se desesperam em relação à Greve Geral

Assistir ao desespero dos golpistas antes da greve geral já indica a importância da paralisação nacional, que amplia adesão a cada dia

27/abr/2017
FUNDAÇÃO PERSEU ABRAMO
Rua Francisco Cruz, 234 - 04117-091 - Vila Mariana - São Paulo - SP
(11) 5571-4299 - imprensa@fpabramo.org.br